Culpado ou inocente? O julgamento do lobo mau

Título:  Culpado ou inocente? O julgamento do lobo mau

Autores:  Marta Lagarta e Leo Cunha

Ilustrador: Alex Lutkus

Número de chamada: LIJ 11115

Número de registro: 367/2019

Editora: Bambolê

Ano de publicação: 2019

Número de páginas: 88

Resenha:

E se o lobo tivesse razão, ao menos alguma razão? Aliás, mesmo sem razão, tem direito à defesa. O certo e  o errado, assim como a justiça, nem sempre são simples. E é nesse trabalho de desconstrução de maniqueísmos que opera, de maneira ágil e divertida, esta narrativa. O juiz Leão, o escrivão Bicho-Preguiça, a promotora Galinha são alguns dos personagens das fábulas que ganham papel no tribunal. A introdução a esse universo, assim como às histórias de julgamentos, é feita sem pretensão, com explicações na medida certa. Repleto de bom humor, ainda trata da importância de considerar diferentes perspectivas, a empatia e os preconceitos. A ilustração em tons acinzentados abre e fecha cada capítulo e acompanha lúdico texto.

 

Clique na imagem para ampliar.

Palavras-chave: justiça, animais, verdade, intertextualidade, Três Porquinhos, Chapeuzinho Vermelho

Imagem-chave: página 16

Resenhista: Catharina Epprecht

rodapé_gg

© 2016 iiLer/Cátedra Unesco de Leitura PUC-Rio Todos os direitos Reservados

Webmaster responsável: Viviane Moreira

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?

Pular para a barra de ferramentas