O caso Édipo

Título: O caso Édipo

Autor: Luiz Antonio Aguiar
Editora: Ventania Editorial
Ano de publicação: 2020
Número de páginas: 152
Palavras-chave: Literatura Clássica, Reconto, Mitologia Grega, Sófocles (Autor), Trilogia Tebana (Narrativa), Thriller Jurídico, Antígona (Personagem), Édipo (Personagem)

Resenha:

Inconformada com o destino de seu pai, Édipo, condenado a sofrer os horrores do Tártaro pela eternidade, Antígona, com o suporte do Deus Dionísio, solicita ao atroz Deus do submundo, Hades, a abertura de um processo que revisite os crimes de Édipo, na busca por um novo responsável. Para Antígona e sua defesa, a inocência do Rei de Tebas estaria no fato de que Édipo cometera os crimes – ter assassinado seu pai e se casado com sua mãe – sem ter consciência de que Laio e Jocasta eram seus progenitores. Mas como inocentar um réu que confessa ter praticado tais horrores?
Neste cativante romance, a trágica história de Édipo e sua família é recontada em formato de thriller jurídico. Os capítulos curtos e os engenhosos diálogos entre acusação e defesa levam o leitor a tentar antecipar, a todo momento, qual seria a saída possível que levaria à salvação de Édipo e Antígona. A obra atualiza com maestria as histórias universalizadas na clássica Trilogia Tebana, atribuída a Sófocles, recontando-as por meio de gênero e linguagem contemporâneos. O resultado é uma leitura intrigante que deverá encantar os amantes da literatura clássica, mas também iniciar novos leitores ao universo da mitologia grega.

Resenhista: Aline Frederico

rodapé_gg

© 2016 iiLer/Cátedra Unesco de Leitura PUC-Rio Todos os direitos Reservados

Webmaster responsável: Viviane Moreira

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?

Pular para a barra de ferramentas